A NOTICIA EM PRIMEIRA MÃO

sábado, 19 de maio de 2018

Programa de auxílio permanência nas universidades públicas estaduais abre inscrições nesta quarta-feira (23)

O valor da bolsa é de R$ 300 para quem estuda a até cem quilômetros de onde mora, ou de R$ 600 para os que vivem a uma distância maior, pois para estes há a necessidade de moradia temporária na cidade onde estuda.
Divulgação
A Secretaria da Educação do Estado publicou, no Diário Oficial deste sábado (19), o edital da terceira etapa do Mais Futuro, programa estadual de assistência estudantil. A iniciativa oferece auxílio financeiro para os estudantes das universidades Estaduais de Feira de Santana (Uefs), de Santa Cruz (Uesc), do Sudoeste da Bahia (Uesb) e da Universidade do Estado da Bahia, (Uneb), que estejam em condições de vulnerabilidade socioeconômica, inscritos no CadÚnico, além de oportunidades de estágio no setor público. O período para as inscrições é de 23 de maio a 21 de junho deste ano, através do site maisfuturo.educacao.ba.gov.br.
Segundo o secretário da Educação, Walter Pinheiro, o programa vem contribuindo de forma decisiva para a permanência daqueles estudantes que mais precisam de apoio para continuar estudando. “Esta iniciativa já beneficiou cerca de 8.600 estudantes das universidades públicas estaduais nas duas primeiras etapas. Com o Mais Futuro, estamos contribuindo para que os estudantes concluintes do Ensino Médio tenham a garantia de que, ao ingressar em uma de nossas universidades, possam cursar e finalizar o Ensino Superior, principalmente para os de baixa renda, que por muitos motivos acabam abandonando a universidade“.
Os interessados em participar desta terceira etapa devem estar atentos para ter o registro atualizado no cadastro centralizado de programas sociais do Governo Federal (CadÚnico). Para fazer essa atualização é preciso ir até o setor responsável pelo CadÚnico ou pelo Bolsa Família na cidade em que mora. Caso não saiba onde fica o local de cadastramento, o interessado pode buscar essa orientação no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) mais próximo de sua casa. Em muitas localidades, o próprio Cras realiza o cadastramento das famílias. Candidatos ao programa Mais Futuro também não devem possuir vínculo empregatício e não ter concluído qualquer outro curso de nível superior. O incentivo garante a permanência desses estudantes nas salas de aula e a conclusão dos cursos de graduação.
O valor da bolsa é de R$ 300 para quem estuda a até cem quilômetros de onde mora, ou de R$ 600 para os que vivem a uma distância maior, pois para estes há a necessidade de moradia temporária na cidade onde estuda. Estando dentro do perfil do programa, o estudante poderá receber o auxílio até completar dois terços do curso. No terço final da graduação, os beneficiários terão a opção e prioridade para ingressar em vagas de estágio de nível superior ofertadas por órgãos e secretarias do Governo do Estado.
Até o fim de 2018, cerca de R$ 50 milhões serão investidos pelo governo de estado no programa. O pagamento das bolsas é feito diretamente ao próprio estudante, através de cartão, em conta bancária criada exclusivamente com essa finalidade.

Fonte: http://www.calilanoticias.com

Começa funcionar os plantões dos finais de semana na delegacia de Capim Grosso e atenderá 07 municípios do Território do Jacuípe

Este pleito foi solicitado pelos vereadores de Capim Grosso, Samuel Moto Taxi (MDB), Lucas de João do Couro (PTB) e Jó Queiroz (DEM), através do deputado estadual Alex da Piatã (PSD) junto ao delegado geral Bernardino Brito.
Capim Grosso é dos poucos municípios a receber o Distrito Integrado de Segurança Pública e estava fechado nos finais de semana
Começou na sexta-feira dia 18, ás 20h e seguirá até as 08h de segunda-feira, 21, o primeiro plantão relativo aos finais de semana na Delegacia de Polícia de Capim Grosso, município localizado no território do jacuípe, conforme informou o delegado de Polícia Humberto Marino, em entrevista ao repórter Arnaldo Silva no Jornal Transamérica 2ª edição. Os plantões serão compostos por um delegado de polícia e um escrivão.
Delegado Eduardo Brito
A decisão de montar estes plantões foi anunciado pelo coordenador da 16ª COORPIN/Jacobina, Eduardo Brito, durante visita do governador Rui Costa a cidade de Capim Grosso no dia 09 de maio, aniversário de emancipação do município. Além de Capim Grosso, os plantões vão atender as demandas de: Gavião, Quixabeira, São José do Jacuípe, Várzea da Roça, Mairi, Serrolândia e Várzea do Poço.
“Os plantões representam sem dúvida alguma, mais uma grande conquista da população de Capim Grosso, com extensão para os demais municípios da região da 91ª CIPM”, colocou Eduardo Brito, em entrevista ao Jornal Transamérica 2ª edição, ele que também havia falado ao Calila Noticias dia 09 de maio.
Este pleito foi solicitado pelos vereadores de Capim Grosso, Samuel Moto Taxi (MDB), Lucas de João do Couro (PTB) e Jó Queiroz (DEM), através do deputado estadual Alex da Piatã (PSD) junto ao delegado geral Bernardino Brito. Segundo os vereadores, o fechamento dos plantões da Delegacia de Capim Grosso estava prejudicando não só a sociedade local, como de todos os municípios ao entorno que nos finais de semana os boletins de ocorrências e as pessoas detidas por prática de algum delito tinham que ser apresentadas na sede da 16ª Coorpin em Jacobina distante 60 km e isso estava gerado desconforto e revolta da população que critica duramente a polícia.
Na ocasião o delegado Bernardino Brito ouviu a queixa dos vereadores recebeu o documento onde eles narraram o fato e encaminhou ao delegado regional que garantiu que problema será resolvido e “estamos muito satisfeitos em vê que nossa solicitação foi atendida e como isso nossa comunidade está mais segura”, falou o vereador Samuel Moto Taxi ao CN.
Os vereadores também estiveram com o coronel Anselmo Brandão, comandante geral da Policia Militar e solicitaram a implantação da Ronda Rural e a PM atendeu ao pleito. Vem acontecendo o patrulhamento e abordagens na zona rural do município.
Prefeito de São José do Jacuípe ao lado de deputado Alex da Piatã agradeceu a iniciativa, pois, os casos de sua cidade tinham que ser levados para Jacobina distante 72 km.
Para o deputado Alex da Piatã (PSD), este trabalho tem levado maior sensação de segurança e interação com a comunidade local, fazendo com que a Polícia Militar (PM) esteja cada vez mais tomando ciência das necessidades pontuais, mantendo a ordem pública na zona rural, evitando a prática de ilícitos e devolvendo a tranqüilidade para quem mora no campo.
“Sobre a implantação dos plantões nos finais de semana, só nos resta agradecer ao delgado geral delegado Bernardino Brito, ao o coordenador da 16ª COORPIN/Jacobina, Eduardo Brito e ao delegado de Capim Grosso, Humberto Marino em atender este pleito que tanto preocupava a população e por meio dos vereadores Samuel Moto Taxi, Lucas de João do Couro e Jô Queiroz, através do nosso mandato, chegou a SSP e prontamente foi atendido”, falou o social democrata.

Fonte: http://www.calilanoticias.com

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Começam segunda-feira as inscrições do processo seletivo para porteiro


Imagem relacionada

Começam, nesta segunda-feira (26), as inscrições para o Processo Seletivo Simplificado de Agente de Portaria (Porteiro) promovido pela Secretaria da Educação do Estado. Estão sendo ofertadas  691 vagas para contratação, por tempo determinado, em Regime Especial de Direito Administrativo (REDA). A data para início da inscrição foi retificada no Diário Oficial desta sexta-feira (23). O requisito para a vaga é ter formação de nível médio incompleto. As inscrições serão realizadas, gratuitamente, via internet, às 10h, e seguem até dia 5 de março, através do site www.selecao.ba.gov.br
 
O Processo Seletivo Simplificado será constituído de uma única etapa, avaliação curricular, de caráter eliminatório e classificatório. A avaliação curricular será realizada pela Comissão no período de 13 a 27 de março, através das informações prestadas por meio da ficha de inscrição, preenchida eletronicamente por meio do site www.selecao.ba.gov.br e dos documentos apresentados conforme edital de convocação a ser publicado no Diário Oficial do Estado da Bahia e disponibilizado no site da Secretaria da Educação do Estado da Bahia. 
 
O prazo do Processo Seletivo Simplificado é de até 24 meses, com possibilidade de renovação por igual período. A remuneração total é de R$ 1.283,91, para uma jornada de trabalho de 40 horas semanais. As vagas ofertadas serão distribuídas por Núcleo Territorial de Educação. 
 
Após a homologação do resultado final do Processo Seletivo Simplificado, os candidatos aprovados serão convocados conforme distribuição de vagas por meio de edital de convocação, publicado no Diário Oficial do Estado da Bahia, segundo a opção de função temporária por Núcleo Territorial da Educação e município observando rigorosamente a ordem de classificação final do Processo Seletivo Simplificado (lista de ampla concorrência, lista de candidatos negros e lista de candidatos com deficiência).
 

Fonte: http://municipios.educacao.ba.gov.br

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

INSCRIÇÕES PARA CONCURSO PÚBLICO DO TCM VÃO ATÉ A PRÓXIMA SEGUNDA FEIRA 19

INSCRIÇÕES PARA CONCURSO PÚBLICO DO TCM VÃO ATÉ A PRÓXIMA SEGUNDA FEIRA 19
Estão abertas desde 19 de janeiro as inscrições para o concurso público do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia para os cargos de auditor estadual de controle externo e auditor estadual de infraestrutura. Os interessados devem se inscrever até as 18 horas do dia 19 de fevereiro (horário oficial de Brasília), através do endereço eletrônico www.cespe.unb.br/concursos/tcm_ba_17.
Serão selecionados oito candidatos para ocupar vagas de auditor de controle externo – duas delas reservadas para candidatos negros. Serão oferecidas ainda outras duas vagas para o cargo de auditor de infraestrutura. Os cargos possuem remuneração de R$11.317,17. Assim, ao todo, serão disputadas no concurso, dez vagas no quadro do TCM, sendo oito para auditor de controle externo e duas para auditor de infraestrutura.
O candidato ao cargo de auditor estadual de controle externo deverá ter formação em Administração, Ciências Contábeis, Ciências da Computação e Informática, Direito ou Economia. Já para concorrer ao cargo de auditor de infraestrutura é necessário possuir formação em Engenharia Civil ou Arquitetura, além de três anos de experiência comprovada em uma das áreas de formação.
De acordo com o edital, a seleção será realizada em três fases. A primeira fase conta com a realização da prova objetiva (caráter eliminatório e classificatório) no dia 08 de abril. A segunda, com a prova discursiva (caráter eliminatório e classificatório), será no diaa 13 de maio. E, por fim, a avaliação de títulos (caráter classificatório). O edital também está disponível no site do TCM/BA, www.tcm.ba.gov.br. A taxa de inscrição é de R$160,00. O concurso será realizado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (CEBRASPE/CESPE).
Fonte:http://www.gobyrios.com.br 

Acidente envolvendo micro-ônibus que transportava passageiros do estado de São Paulo para a Bahia deixa ao menos um morto e vários feridos



Um acidente entre um micro-ônibus e um caminhão deixou ao menos um morto e cerca de 20 feridos no Km-719, na BR-116, trecho que corresponde à cidade de Manoel Vitorino, sudoeste da Bahia, na manhã desta sexta-feira (16).

A relatos de que alguns passageiros são da região, a VR14 está apurando as informações para passar de forma correta.

Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista do caminhão ficou preso às ferragens e morreu no local. O micro-ônibus tinha 32 passageiros e saiu de São Paulo. A polícia averigua se o transporte dessas pessoas era regularizado.

O acidente foi uma colisão frontal entre os dois veículos e a causa provável, segundo informações preliminares, foi uma ultrapassagem indevida. Com o impacto da batida, a frente do caminhão chegou a entrar no micro-ônibus.

Três adultos e uma criança foram socorridos para o Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié. Outros passageiros são atendidos no local.

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) dos municípios de Poções e Jequié foram ao local para ajudar no atendimento aos feridos.

Fonte G1

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Mesmo dono de imóvel em Curitiba, Sergio Moro também recebe auxílio-moradia

Juiz federal ganha R$ 4.378 de complementação; com salário-base de R$ 28.948, sua remuneração bruta chega a R$ 34.210, se somados os benefícios, ou seja, acima do teto constitucional do setor público, que é de R$ 33.763.
Da Redação*
Sergio Moro, juiz federal responsável pela Operação Lava Jato em primeira instância, também está no time dos magistrados que recebem auxílio-moradia mesmo tendo imóvel próprio em Curitiba. Como dono de um apartamento na capital paranaense, Moro fez uso de decisão liminar de setembro de 2014, do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Luiz Fux, para passar a receber auxílio-moradia no valor de R$ 4.378. As informações são de Ana Luiza Albuquerque, da Folha de S.Paulo.
Desde junho de 2002, um ano antes de assumir a primeira vara especializada em crimes contra o sistema financeiro, em Curitiba, Moro comprou um imóvel de 256 m² no bairro do Bacacheri, de classe média.
O recebimento de auxílio-moradia por um juiz que possui imóvel na cidade onde trabalha não é ilegal, mas levanta questionamentos. Nesses casos, na prática, o valor do benefício é incorporado ao salário do magistrado, mas não conta para o teto constitucional dos vencimentos do setor público, de R$ 33.763.
Moro começou a receber o auxílio-moradia em outubro de 2014. Acrescentado o auxílio-alimentação de R$ 884, as indenizações totalizam R$ 5.262 por mês. Com salário-base de R$ 28.948, sua remuneração bruta chega a R$ 34.210, se somados os benefícios —acima do teto, portanto.
Em determinados meses, o valor pode ser ainda maior. Em dezembro de 2017, Moro ganhou gratificações no total de R$ 6.838, elevando o salário para R$ 41.047. Os benefícios corresponderam a 30% de toda a remuneração.
Fux estendeu o benefício a todos os juízes do país. O ministro argumentou que diversos tribunais já ofereciam o auxílio, o que estaria criando uma diferenciação entre os magistrados. Ele também citou o artigo 65 da Lei Orgânica da Magistratura, que prevê que podem ser oferecidas aos juízes algumas vantagens, como “ajuda de custo, para moradia, nas localidades em que não houver residência oficial à disposição do magistrado”.
Na resolução 199, de outubro de 2014, o CNJ (Conselho Nacional de Justiça) regulamentou que cada juiz ficaria responsável por requerer o próprio auxílio-moradia. “A referida ajuda de custo vem sendo paga por diversos tribunais em patamares díspares, acarretando injustificável tratamento diferenciado entre magistrados”, diz o texto do CNJ. Somente no fim do ano passado, Fux liberou a liminar para ser julgada pelos 11 ministros do STF. A presidente da corte, Cármen Lúcia, afirmou que pretende pautar o assunto em março.
*Com informações da Folha de S.Paulo e do Brasil 247
Foto: Lula Magalhães/Agência PT/Fotos Públicas
Fonte: https://www.revistaforum.com.br

Sorteio eletrônico oferta mais de 13 mil vagas da Educação Profissional subsequente ao Ensino Médio



A Secretaria da Educação do Estado da Bahia realizou, nesta sexta-feira (2), no auditório da instituição, o sorteio eletrônico para mais de 13 mil vagas da Educação Profissional subsequente ao Ensino Médio (Prosub). A ação contou com a presença do subsecretário da Educação do Estado, Nildon Pitombo, do superintendente da Educação Profissional e Tecnológica, Durval Libânio Mello e do representante do Ministério Público da Bahia, José Vicente Lima.
 
As vagas disponibilizadas foram distribuídas de forma igualitária para as duas opções de acesso. Sendo assim, 50% das vagas foram sorteadas para os estudantes que optaram por utilizar a nota do último Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e 50% para os candidatos que se inscreveram para concorrer ao sorteio eletrônico aleatório.
 

>> Veja aqui os contemplados por município

 
O superintendente Durval Libânio Mello ressaltou a importância do sorteio. “É essencial pelo falto de termos uma ideia muito clara de como o Estado demanda por cursos no Estado da Bahia e, também, destacamos o alto número de inscritos, em torno de 51 mil. Isso demonstra o quanto a nossa juventude que, após concluir o Ensino Médio, concorre a vagas dos cursos chamados subsequentes ao médio, ou seja, para quem já concluiu o Ensino Médio”, destaca.
 
O subsecretário Nildon Pitombo ressaltou que estes cursos fazem parte da estratégia da Secretaria da Educação de diversificar a oferta na rede estadual. “Esta é uma determinação do secretário Walter Pinheiro, de integrar cada vez mais a Educação Básica com a Educação Profissional. Além disso, estes cursos foram otimizados para que o estudante adentre com mais agilidade ao mundo do trabalho”, disse.
 
Elismare Amaral dos Santos, 35, foi contemplada com uma vaga para o curso técnico em Administração, no Centro Estadual de Educação Profissional em Gestão e Negócios e Turismo Luiz Navarro de Brito, em Salvador. “Estou muito feliz com esta conquista, porque terminei o ensino médio no ano 2000 e agora vou poder voltar a estudar para ingressar no mundo do trabalho em uma área que eu gosto muito”, diz, entusiasmada.
Quem também está comemorando é Kelly Stephanie dos Santos, 22. “Sempre quis fazer um curso técnico em Nutrição e Dietética e hoje eu fui contemplada com esta vaga. Já estou na expectativa para o início das aulas”, afirma

Fonte: http://municipios.educacao.ba.gov.br